Português English Français
 

Obras CONDURIL nos arquipélagos da Madeira e dos Açores

De entre as várias obras desenvolvidas nos arquipélagos da Madeira e dos Açores, destacamos as seguintes:

Label1

Ampliação do Porto de Pesca de Vila Franca do Campo - Açores

Identificação Ampliação do Porto de Pesca de Vila Franca do Campo
Localização Vila Franca do Campo, Ilha de S. Miguel, Açores
Descrição - um molhe de abrigo com cerca de 500 m de comprimento;
- um núcleo de enrocamento e com a plataforma superior à cota +2,50;
- mantos secundários, de revestimento e retenção dos materiais do núcleo, em enrocamento seleccionado;
- manto de protecção em enrocamento de 50 a 80 kN, e em blocos Antifer de 100 kN, 350 kN e 400 kN;
- superstrutura em betão simples ;
- terrapleno com cerca de 9000 m2;
- cais acostável constituído pelas duas faces (norte e sul) de uma ponte-cais com 110 m de comprimento, executado em aduelas;
- um passadiço flutuante, com 60 m de comprimento;
- um fosso para um pórticode 70 tf;
- remodelação da rampa varadouro
Prazo 2007 / 2009
Participação 55%
Dono Lotaçor, SA
Label145

Construção do CAO – Centro de Actividades Ocupacionais

Identificação Construção do CAO – Centro de Actividades Ocupacionais
Localização Vila Franca do Campo – S. Miguel - Açores
Descrição O complexo social de Vila Franca do Campo , compreende as seguintes valências:
- Um CAO - Centro de Actividades Ocupacionais, equipado com piscina para tratamentos de hidroterapia e snozelen, ginásios, sala de snozelen, diversas salas de actividades, carpintaria, sala multimédia entre outras.
- Um Edifício de Apoio ao Domicilio, compreendendo cozinha e lavandaria industrial e garagens, de complemento às valências do CAO.
Caracterização geométrica dos edifícios:

CENTRO DE ACTIVIDADES OCUPACIONAIS
Área de implantação:1312m2
Área de construção:2.390 m2
N.º de pisos acima da cota de soleira: 1
N.º de pisos abaixo da cota de soleira:1
Cércea: 4.00 a 8.80m
EDIFÍCIO LOGÍSTICO DE APOIO AO SAD
Área de implantação:807 m2
Área de construção807 m2
N.º de pisos acima da cota de soleira:1
N.º de pisos abaixo da cota de soleira0
Cércea:4 m
Prazo 2009 / 2010
Participação 100%
Dono Santa Casa da Misericordia de Vila Franca do Campo
Label146

Ampliação e remodelação do serviço de esterilização do Hospital da Horta

Identificação Ampliação e remodelação do serviço de esterilização do Hospital da Horta
Localização Ilha do Faial - Horta
Descrição A área total de construção é de cerca de 200m2 sendo apenas 30m2 referentes à ampliação.
A empreitada enquadrou-se num único piso, com pé direito de 3,25mts, e o edifício é compartimentado em 25 áreas que servem para as seguintes funcionalidades:

7. Desinfecção/Lavagem : Zona de Descontaminação, destinada a receber, lavar e secar todos os materiais contaminados e reutilizáveis, provenientes dos serviços utilizadores, com excepção de têxteis.
8. Inspecção / Montagem / Teste:
destina-se a inspeccionar os dispositivos médicos provenientes da descontaminação/lavagem.
9. Preparação e Embalagem : destina-se a constituir uma barreira positiva contra a contaminação, bem como a oferecer protecção do respectivo conteúdo, até à sua utilização.
10. Têxteis : destina-se á preparação dos materiais (roupas, compressas, ligaduras, etc.), que pela sua composição, libertam um grande número de partículas.
11. Autoclaves : após a embalagem submete os dispositivos médicos a um processo de esterilização, nos carros de carga dos respectivos esterilizadores, onde serão processados.
12. Armazém de Esterilizado: destina-se a receber as cargas após serem esterilizadas. Depois de verificadas e inspeccionadas, estas cargas ou são enviadas para os blocos operatórios ou ficam em stock, ou ainda em quarentena.
Prazo 2010 / 2011
Participação 100%
Dono Hospital da Horta, EPE
Label148

Requalificação e Reordenamento da Frente Marítima da Cidade da Horta – 1ª fase

Identificação Requalificação e Reordenamento da Frente Marítima da Cidade da Horta – 1ª fase
Localização HORTA- ILHA DO FAIAL AÇORES
Descrição Esta empreitada comporta uma Frente “Obras Marítimas”, constituída sumariamente pela Construção de um/uma:
- Terminal de Cruzeiros e Inter-Ilhas (Molhe Cais);
- - Terrapleno;
- - Bacia de Manobra;
- - Ponte Cais;
- - Retenção Marginal Sul;
- - Retenção Marginal Norte;
- - Esporão de Guiamento da Ribeira;
- - Equipamento Diverso;
- I- nfraestruturas.
-
e uma Frente “Edifícios” que comportará a construção de diversos edifícios e arranjos exteriores envolventes, abaixo enunciados, bem como a execução de todas as infraestruturas exteriores:
- Estacionamento;
- Gare Marítima;
- Rede Viária.
Dentro das principais quantidades aplicadas na sua construção destacam-se:
- Enrocamentos: 300.000 m3
- Betão: 90.000 m3
- Aço: 1.750 ton.
- Dragagem geral: 40.365 m3
- Dragagem de construção: 81.968 m3
- Aterros: 97.779 m3
Prazo 2010 / 2012
Participação 7,18%
Dono ADMINISTRAÇÃO DOS PORTOS DO TRIÂNGULO E GRUPO OCIDENTAL, S.A.
Conheça os dados financeiros da CONDURIL Descubra o nosso
Laboratório Central Acreditado
Confira as distinções
atribuídas à CONDURIL
Saiba de que forma a CONDURIL aposta na Qualidade e Segurança